**Porque tamanho não é documento e dinheiro não traz felicidade. (Autor desconhecido, pobre e com certeza tem pinto pequeno)** MARMANJJUS O BLOG: Festival de piadas

20 junho 2009

Festival de piadas

A loira chega na loja de eletrodomésticos:
- Por favor, eu gostaria de comprar aquela televisão que está ali na vitrine.
- Sinto muito – responde o vendedor. – Não vendemos nada para loiras.
Muito indignada, ela vai pra casa, pinta o cabelo de vermelho e volta para a loja.
- Por favor, eu gostaria de comprar aquela televisão que está ali na vitrine.
O mesmo vendedor responde:
- Não vendemos nada para loiras.
A loira tenta novamente, mas desta vez, pinta o cabelo de preto:
- Por favor, eu gostaria de comprar aquela televisão.
E mais uma vez o vendedor:
- Desculpe, mas não vendemos nada para loiras.
A loira, já revoltada, pergunta:
- Mas como é que você sabe que eu sou loira?
E o vendedor:
- É que aquilo na vitrine é um microondas.





O mineirinho entra num boteco, e vê anunciado acima do balcão:
Pinga___________________R$ 1,00
Pão de queijo____________ R$ 2,00
Sanduíche de Galinha______R$ 3,00
Acariciar òrgão Sexual _________________R$ 10,00
Checando na carteira para não passar vergonha, ele vai até o balcão e chama uma das três garotas, que estão servindo bebidas nas mesas:
- Por favor.
- Sim? - Responde ela com um sorriso lindo - Em que posso ajudar?
- É ocê que acaricía órgão pros cliente ?
- Sou... - Responde ela com uma voz bem sensual.
- Então, ocê lava bem as mão, que eu quero um Pão de queijo!





O mineiro, ia se casar, e a família da noiva insistiu que passassem a primeira noite, na casa dos pais da noiva.
O mineiro concordou, mas o problema é que ele era virgem, e morria de medo de falhar ou não saber direito como funcionar na primeira noite. Resolveu esconder uma garrafa de pinga embaixo da cama, no quarto em que iam ficar, para criar coragem na hora do "vamos ver" e não falhar.
Terminada a festa de casamento, os dois foram pro quarto. Mal entraram no quarto, os pais da noiva foram para o quarto ao lado, para ouvir os acontecimentos, pois na casa não tinha forro, e tudo que se passava num quarto, era ouvido no outro.
Assim que a noiva foi ao banheiro se arrumar, o mineirinho enfiou a mão embaixo da cama e pegou a garrafa de pinga. Quando foi tomar um gole, percebeu que a garrafa estava vazia, e gritou!
- Eita! Já mexeram aqui!
No que o pai da noiva gritou do outro quarto:
- Mexeram não, meu filho! É que as muié da nossa famia são larga memo!








Quatro lombrigas são colocadas em quatro tubos de ensaio separados:

A primeira lombriga em álcool,

a segunda lombriga em fumo de cigarro,

a terceira em esperma

e a quarta em terra natural.

No dia seguinte o professor mostra aos alunos o resultado:

A primeira lombriga, em álcool, está morta.

A segunda, no fumo do cigarro, está morta;

A terceira, em esperma, está morta;

A quarta, em terra natural, está viva.

O professor comenta que é bastante nítido o que é prejudicial e pergunta à classe:

´O que podemos aprender desta experiência?´
Responde imediatamente o Joãozinho:

´Temos de beber, fumar e foder em abundância
para não termos lombrigas!!!´

1 Comentários:

Contos e canções disse...

Joãozinho is the best!!!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk